CECGP

Quase 9 milhões de empregos perdidos em 90 dias…

trabalho_1-foque-pessoas1-800x533

 

O Brasil perdeu 8,9 milhões de empregos no segundo trimestre do ano, em meio à pandemia do coronavírus. A maior parte dos trabalhadores eram profissionais informais, e 2,9 milhões tinham carteira assinada. Todos os setores da economia foram atingidos, sobretudo o comércio. No final de junho, segundo dados do IBGE, o país tinha 83,3 milhões de pessoas ocupadas.
A taxa de desemprego está em 13,3%, a mais alta para o período; porém, o impacto da pandemia ainda é considerado subdimensionado. A crise fez 3,46 milhões de brasileiros solicitarem o seguro-desemprego entre março e junho.
Análise: os números deixam evidente o estrago que a pandemia provocou no mercado de trabalho em 90 dias, afirma Cássia Almeida, no Analítico. “Um quarto da nossa força de trabalho está sem ocupação no momento. Com tantos desempregados, fica difícil a atividade econômica reagir com mais força”, diz

Fonte: O Globo

Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Rolar para cima